Quadrimcast #44 - Star Wars: A Trilogia Clássica

You are here: Home » Quadrimcast » Quadrimcast #44 – Star Wars: A Trilogia Clássica

QC_44_Destaque_Artboard 1

Há muito tempo, numa galáxia distante… Sim Tropa, não podíamos começar de outra forma este episódio, afinal se ano passado falamos da nova trilogia, agora vamos falar do filé, da coisa boa… Vamos falar de STAR WARS – A TRILOGIA QUE VALE!

A saga original, a trilogia das trilogias, Estrelas da Morte, X-Wing enfrentando Tie-Fighters, o mundo gélido de Hoth, a batalha contra Jabba The Hutt, Boba Fett, treinamento Jedi, Stormtroopers, Millenium Falcon… Sério, o que tem pra não gostar disso? E o melhor: SEM JAR JAR BINKS OU MIDI-CHLORIANS!

Vindos diretamente de Endor (mas não, eles não são Ewoks), temos os rebeldes André Faccas (@andrefaccas), Márcio Sampayo (@marciosampayo), Ricardo Sorvillo (@ricardosorvillo), Vitor Azambuja (@vitorazambuja) e Walter Stodieck (@waltao), prontos para entrarem em suas X-Wings, Y-Wings e A-Wings para partirem em missão para derrotar o Império e salvar a galáxia… Ou será que algum deles vai ceder ao Lado Sombrio da Força?

Falamos dos três filmes, analisando desde o começo de Uma Nova Esperança (e o impacto da cena inicial), passando pela obra-prima O Império Contra-Ataca (mesmo com tripas de Tautauns) e finalizando com O Retorno de Jedi, analisando o roteiro (e os furos), as atuações, as influências que George Lucas sofreu para criar o filme,  se Jabba é um sapo ou uma lesma…

Quadros:
Abertura e Apresentação das participantes – 0min 00s a 1min 22s
Leitura de mails e comentários – 1min 22s a 18min 49s
Assunto Principal: Star Wars Trilogia Clássica – 18min 49s a 2h 00min 34s

Saiba ouvindo esta edição:
– Como George Lucas passou a perna na Fox!
– Onde existia um Ewok Jedi!
– Quem pediu Queen no meio do cast!
– Porque Lucas é um perdedor!
– Quem tem uma ONG para adotar revistas desamparadas!
– Como vincular Star Wars com… Titanic?!
– Quantos pedófilos têm na trilogia!
– Quem discutiu moda durante o cast!
– Quem vai nomear um filho com o nome de um personagem da franquia!
– Quem seriam os atores originais pra Han Solo e Obi-Wan Kenobi!

Links!
Cadê Meu Headphone – um projeto em quadrinhos com vários quadrinistas nacionais sobre as cenas iniciais de Star Wars.
Empire of Dreams – o documentário sobre Star Wars (em inglês).

RESULTADO DA PROMOÇÃO TURMA DA MÔNICA!
É isso aí, tivemos vários vencedores! E quem ganhou o kit e as revistas autografadas? Olhaí:
– Kit MSP Novos 50 + Revista Mônica e Sua Turma 1 (promoção via Facebook): Rafael da Costa Silva!
– Revistas (promoção via Twitter): Alice Ferreira (@licinha_ferreir) e Izabel (@AmoMarta)
– Revistas (promoção via site): Cleberson Rodrigues e João Norberto Silva!

Parabéns aos ganhadores, entraremos em contato para verificação de dados e envio dos prêmios.

PROMOÇÃO CAMISETA CANTINA MOS EISLEY!
E DÁ-LHE PROMOÇÃO! Desta vez voltamos a aporrinhar a nossa parceira, a Fiction! E já que o assunto é Star Wars, conseguimos um presente: a camisa da CANTINA MOS EISLEY para você, nosso ouvinte!

StarWars 240-01

E aí, se interessou? Então olha como você faz para concorrer:

Regulamento

  • Para concorrer ao prêmio, o participante deve responder nos comentários deste post a seguinte pergunta: Qual banda de um sucesso só merecia tocar na Cantina Mos Eisley e por quê?
  • A promoção se inicia no dia 03/04/2013 e se encerra no dia 14/04/2013, às 21:59h.
  • A equipe do site Quadrim escolherá a frase mais criativa e original entre as respostas, sendo sua decisão final e irrecorrível;
  • O prêmio é pessoal e intransferível, sendo que, em nenhuma hipótese, poderá ser trocado por produto semelhante ou convertido em dinheiro;
  • Confirmação do ganhador: No dia 17/04 comunicaremos pelo Twitter, Facebook e no Quadrimcast #45 o premiado. Este deverá confirmar seus dados para darmos início ao processo de entrega dos prêmios. Ninguém está autorizado a solicitar dados de usuários, exceto nossa equipe, após a realização do sorteio;
  • O ganhador deverá necessariamente passar seus dados (RG, CPF, nome, endereço completo e e-mail para contato) via e-mail (quadrimcast@quadrim.com.br);
  • O ganhador tem até 7 (sete) dias (corridos) após a divulgação do sorteado para solicitar o prêmio, sendo desclassificado após o término deste prazo. Realizaremos outra seleção entre as respostas às perguntas caso o ganhador não se identifique após os 7 dias;
  • A promoção é válida somente para quem residir em território nacional. Caso resida em outro país, a Quadrim se reserva no direito de realizar outra seleção automaticamente. Os participantes serão informados deste processo;
  • Não poderão participar da promoção membros do grupo Quadrim e demais pessoas envolvidas diretamente com a promoção e divulgação da ação.

Fácil, não? Então nos comentários vá e a pergunta responda para concorrer!

CAMISETAS FICTION CORPORATION!
E se você ainda não visitou a nossa parceira FICTION CORPORATION pra comprar as nossas camisas CYCLOPS WAS RIGHT e SUPERMAN DO REINO DO AMANHÃ… <Obi-Wan>Estas são as camisas que você está procurando.</Obi-Wan> Vai lá, clica no banner da Fiction ali do lado (e se você recebeu esse texto pelo feed, entra no site!) e compre uma camiseta bacana pra você usar naquele evento nerd, naquela festa de criança, na reunião de condomínio ou pra bater um papo no boteco com os camaradas!

Agradecimentos!
Queremos agradecer de coração ao pessoal que divulgou, comentou, retuítou, enfim, a todos que ajudaram a divulgar o Quadrimcast #43 sobre TURMA DA MÔNICA, com o sempre animado Sidney Gusman!

Também queremos estender nossos agradecimentos especiais aos podcasts e sites que nos mencionaram em suas edições ou nos convidaram a fazer participações especiais:
Ovos Zumbis #39 – Especial: Zumbis, a verdade e o mito, com a participação de Bárbara Nikita!

E você, quer fazer algum comentário? Dar uma sugestão? Divulgue o nosso cast, comente aí embaixo do post, envie seu e-mail para quadrimcast@quadrim.com.br!

Também estamos presentes nas redes sociais! Siga-nos no twitter do @Quadrimcast e dê um “curtir” na nossa página do Facebook! Faça parte da #TropaQuadrimcast e defenda o seu setor.

Vitrine by Walter Stodieck da 42 Brand Studio

Trailer de Star Wars pornô. O que, achou que a gente ia colocar o filme todo?

Reproduzir
Você também pode gostar de:
Equipe Quadrim

Nerds e Apaixonados por cinema, séries de TV, animação, games e, especialmente, quadrinhos; os membros da Quadrim se reúnem aqui pra dar sua opinião, mesmo sem ninguém pedir, sobre todos os assuntos que fazem parte desse maravilhoso mundo.

Facebook Twitter 

Comentários

comentários


Esse espaço é destinado aos visitantes da Quadrim para interagir entre si e com os membros da equipe. Não é necessário realizar login, basta informar nome e e-mail. Pedimos a todos que se expressem com respeito e cordialidade, evitando ofensas gratuitas e palavras de baixo calão.

A Quadrim não se responsabiliza pelas opiniões postadas nesse espaço por seus visitantes, mas solicita a todos que se utilizem de sua liberdade de expressão com a devida atenção às regras normais de convívio social. Os comentários estão sujeitos a moderação no caso de descumprimento dessas instruções.


26 Thoughts on “Quadrimcast #44 - Star Wars: A Trilogia Clássica

  1. Presto Gaudio|

    resposta da promoção:

    os Virgulóides com “Bagulho do Bumba”… clássica banda de pop-rock dos anos 90 que veio na rabeira da música de “comédia” dos Mamonas Assassinas que fez um relativo sucesso de apenas uma música. Afinal deu quem é a bumba do banco de trás?

    putz galera, faz muito tempo que eu não envio nenhum comentário para o site, acompanho desde o primeiro podcast de vcs e só posso dizer que vcs nunca me decepcionaram, muito pelo contrário, estão sempre me surpreendendo. Valeu mesmo e continuem com a qualidade dos podcasts e… agora com as promoções…hehehehe

  2. A banda deveria ser o Deee-Lite responsável por um dos hinos da MTV noss anos 90: “Groove Is in the Heart”
    Afinal eles tem o visual certo para passarem desapercebidos no meio daquele monte de alienígenas!

  3. Fabio Faria|

    A banda que deveria tocar é: A Banda das Velhas Virgens, porque só encontrar velhas virgens é tão estranho quanto as outras bandas de lá!

  4. Thiago Machado|

    Quadrim.
    Ola equipe Quadrim,
    Eu também faço parte da ONG de adoção de gibis desamparados, se alguém do arredores de Belo Horizonte encontrar com um gibi abandonado, desamparado, me avise onde ele esta que eu pego e cuido dele. Até vacino o gibi.
    Nerd estão em dois categorias, muito gordo ou muito magro, pertenço ao segundo grupo.
    Ouvirei o cast de , e como também sou biólogo, quero ver as explicações biológicas, pois decerto eu buscar desmantelar todas, ainda tenho muitos problemas com as explicações do infecção zumbi.
    No ultimo Enem caiu a capa da primeira edição do Capitão América.

    Sobre a jornada do herói , na verdade, não existem tantas estruturas de escrever historias, dizem que só há 7 tipos de historias diferentes, o que diferem e o jeito de contar. Você pode escrever por exemplo escrever a mesma historia, Hulk destruindo uma cidade, com o mesma historia mas de dezenas de abordagens diferentes. O que quero dizer e que o problema não esta na Jornada do Herói, mas sim na preguiça de usar abordagens diferentes dentro da mesma estrutura.
    Eu quero ver agora a ‘Jornada do Vilão’.

  5. Thiago Machado|

    Uma das principais influencias de Star Wars e a serie Duna de Frank Herbert, a serie eh considerada como o Senhor dos Anéis da ficção cientifica, ou seja, leitura imperativa. Uma das coisas legais que depois da morte de Frank Herbert, o filho dele Brian Herbert resolveu continuar a serie com base nos manuscritos de seu pai, e escreveu o universo expandindo de Dune em co-autoria com a ajuda de Kevin J. Anderson, que salvo engano, escrevia o universo expandindo de Star Wars. O numero de semelhanças de Star Wars com Duna são grandes, então creio que o George Lucas fez algumas homenagens/referencias, creio que já ter topado na rede, além de uma lista com as semelhanças uma afirmação do próprio Lucas eu ele tinha lido e se inspirado nalgumas coisas.

  6. Thiago Machado|

    Imperio dos Sonhos, cuidado, há um filme homônimo, chamado Inland Empire, do David Lynch, que tem muita gente que diz que eh lindo e tals, mas eh chato….

    Merchandising… isto me lembra uma cena da parodia Spaceballs – S.O.S. tem um louco a solta no espaço – do Mel Brooks.

    Poxa, se o Mifune fosse o Obi Wan eu iria pirar, vi Rashomon mês passado e ele um ator muito foda.

    O poder do obvio é incrível.

    Depois volto pra comentar mais.

  7. Anotem aí mais uma pessoa que usou a trilha sonora de Star Wars no casamento:
    EU!
    Entrei na igreja com a marcha imperial e a patroa ao som do tema principal de “Uma Nova Esperança”

    E ainda tivemos gêmeos e os batizamos de “Darth” e “Vader”!
    (Tá essa última é mentira, OBÓVIO que se tivessemos gêmeos os chamariamos de Luke e Leia)

  8. Thiago Machado|

    Acho que deveria tocar: What’s Up da banda 4 Non Blondes

    Como foi o processo de escolha – antes de tudo, tinha que ser um One hit Wonder, logo tive que excluir coisas, que soaria ótimo na taverna Mos Eisley mas não entrava em bandas de um sucesso só, como Daft Punk, o album Starman do Bowie e a Bjork.
    Depois, me baixou o Zack Snider, então penso que a musica que ter tudo a ver com a historia do filme mas tem que ficar bizarra no filme, portanto minhas escolha foi… do 4 non Blonde. A letra funcio na super bem? “Twenty-five years and my life is still / Trying to get up that great big hill of hope / For a destination” – se refere a Luke querendo entrar para a aliança rebelled ainda em Tatooine.
    Outros trechos da letra realçam isto, e cabe super bem no filme, pois é na Taverna Mos
    Fora isto a banda, ou pelo menos a vocelista, tem um visual bem bizarro que não iria ficar estranho no filme.

    • Thiago Machado|

      Erratas: onde eu digitei “aliança rebelled’ é Aliança Rebelde, fora outro erros gramaticais – efeito colateral de computador de Lan House e seus teclados arruinados. Além disso, erroneamente escrevi Taverna Mos Eisley no lugar que devia escrever Cantina Mos Eisley, culpa de meu automatismo e vicio em Tavernas, e que minha mente sempre associa Cantinas ao Bandejão do CEFET.

      Nota: Aproveitei que na Lan House encontrei um amigo então recomendei e apresentei a Quadrim a ele.

  9. Presto Gaudio|

    como eu tinha dito acima, estou um pouco desatualizado com os casts… mas não parei de acompanha-los… acabei de escutar o cast da Turma da Monica…muito bom, é sempre divertido ver a participação do Gusman…

    a mensagem é sobre as criticas que vcs receberam quanto ao podcast do Y… só tenho uma coisa a dizer… ridículo… vcs não foram sexistas durante o programa nenhum, além disso, como voces mesmos falaram, é só acompanhar a trajetória dos programas para saber que não são machistas ou possuem qualquer preconceito… infelizmente vivemos numa época do politicamente correto onde piadas são mal vistas e a era do facebook onde a opinião só é válida se for igual ao do grupo dos seus amigos…

    faz tempo q não envio nenhum mensagem, mas me senti na obrigação de apoiá-los, pois vcs sempre apresentaram temas e discussões interessantes, com bom humor e com conteúdo

    • Marcio Sampayo|

      Obrigado, amigo.

      Eu fui praticamente suspenso pela direção do cast depois que chegaram os comentários de Y.

      Talvez agora eles deixem eu voltar a participar das gravações.

      Abraços,

      Marcio

  10. Pedro Bouça|

    Correção: John Buscema não desenhava os comics de Star Wars. Roy Thomas foi o primeiro a escrever, sim, mas com arte de Howard Chaykin. A dupla logo saiu da série.

  11. Desculpa galera, tropecei nesse vídeo e não resisti, tenho que compartilhar com todos aqui, tem tudo a ver com o que foi dito no episódio. Achei muito hilário, enquanto assistia, a primeira coisa que veio na cabeça foi este cast.

  12. Thiago Machado|

    Quero ressuscitar uma polemica, esta muito levantada por fanáticos de Jornada – que é muito bom, eu gosto, mas tem gente que exagera – se SW e ou não ficção cientifica.
    Eu digo é e não é.
    A ficção cientifica é, por alguns, sub-dividida em soft sci-fi, onde há os elementos ‘científicos’ mas a explicação que se dane, e a hard scifi, que é a fc ‘strictum sensu’, onde há ‘explicação’ e leis para os elementos ‘científicos’.
    Então Guerra nas Estrelas num é hard, porem soft scifi é, no mínimo, sim, logo é ficção cientifica, fecha a conta.

    Se ainda esta difícil entender pense em filmes pornôs, os soft é onde o sexo é sugerido, ta la mas não ta la, e os hardcore é onde você tem a cientifica ocorrendo.

    Finalizando, para calar qualquer ‘trekkie maluco’, os trekkies gente boa não se sentirão ofendidos, gostaria de fazer uma citação, de Arthur C. Clarke – o melhor escritor de fc do mundo, Assimov é vice e apenas por uma questão de impacto cultural, em ‘As Canções da Terra Distante’, nota do autor da edição 1986 da editora Nova Fronteira:

    ‘Por favor , não me interpretem mal: apreciei enormemente o melhor da serie Jornada nas estrelas e dos épicos de Spielberg/Lucas, para mencionar apenas os exemplos mais famosos do gênero. Entretanto, estes são trabalhos de fantasia, não é ficção cientifica no sentido estrito do termo. Atualmente, é quase certo que no universo real nunca venhamos a ultrapassar a velocidade da luz. Assim, mesmo os sistemas estelares mais próximos estarão sempre a décadas ou séculos de distancia. Nenhuma Dobra Fator Seis poderá levar-nos de um episodio a outro a tempo do capitulo da próxima semana. O grande Produtor no céu não estruturou a sua programação desse modo.’

  13. Pingback

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Breve no Quadrimcast!

Konami Easter Egg by Adrian3.com